Frase: "O mundo espiritual é formado de antimatéria".

É uma aberração porque está completamente fora de qualquer justificativa tanto científica quanto doutrinária.

A antimatéria nada mais é que uma forma de matéria que é especular em relação à matéria ordinária, isto é, como se fosse vista através de um espelho eletromagnético. O átomo, em princípio é formado de prótons e neutrons em seu núcleo e elétrons ao seu redor, no modelo clássico. O antiátomo é formado por por antiprótons no núcleo e pósitrons ao seu redor. A diferença entre próton e um antipróton é que este último tem carga negativa, enquanto àquele tem carga positiva. A diferença entre um elétron, que é negativo, e um pósitron é que este tem carga elétrica positiva. Então um antiátomo de hidrogênio, por exemplo, seria tão somente o nosso átomo com os sinais invertidos. Naturalmente se um átomo e um antiátomo se tocarem haverá a aniquilação de ambos, com consequente liberação de energia (e muita energia).

Como sabemos, pelo Codificador, que o mundo espiritual contém o nosso e os Espíritos estão constantemente em contato conosco, imaginemos uma psicofonia: o simples contato do Espírito comunicante com o médium seria suficiente para a destruição do mundo todos e mais uma boa parte do sistema solar.

Portanto é uma aberração, nem hipótese seria, e olha que já escutei tal frase em reuniões doutrinárias pelo Brasil a fora.

Comentários

thatyane furtado disse…
Então do que é feito o mundo espiritual? Que elementos se comportam daquela forma? de que elemento é o espírito? Pois tudo é feito de elementos.
Andre Cavalcante disse…
Obrigado, thatyane furtado pela sua mensagem.

É o seguinte, o mundo espiritual, quando considerado apenas onde estão os Espíritos (em maiúsculo) durante a erraticidade é formado simplesmente de matéria, matéria comum variação do fluido cósmico universal, mas de uma densidade diferente, ou como alguns querem em uma frequência diferente. De fato, os Espíritos atuam lá com os seus perispíritos, logo, o seu mundo deve ser da mesma matéria do seu perispírito.

Ou seja, como tal será detectado algum dia, com os devidos avanços da ciência espírita, que ainda está engatinhando no entendimento do mundo espiritual.

Se se considera o mundo espiritual como o mundo normal, primitivo, de onde vem e para onde vai o princípio inteligente, isto é, o espírito (em minúsculo), então este mundo é todo diferente do que entendemos como matéria. É o mundo da inteligência, do amor, dos sentimento, do intelecto. Neste caso, não tem forma, nem espaço, nem tempo. É abstrato. Ou seja, somente o podemos concebê-lo pelo pensamento, e olha que depois de muito esforço.

Abraços
Rodrvent disse…
Respeito fraternalmente todas as opiniões em contrario mas, comecei a estudar o assunto com profundidade e me deparei com varios textos em que autores espiritas de reputação ilibada como J. Herculano Pires e Jorge Andrea, alem de textos psicografados de autoria de Miramez, Irmão Aureo, Joseph Gleber, incluindo o testemunho do proprio Chico Xavier, no programa Pinga-Fogo de 1971, que confirmam, em maior ou menor grau, que os corpos espirituais são feitos de antimatéria. Particularmente na obra psicografada: "A estrutura da materia segundo os espiritos" de P.A Ferreira, o conceito é explicado de forma clara e racional. Estou enviando abaixo alguns dos trechos que mecionei:

Limitar-nos-emos, portanto, a considerar que o plano espiritual imediatamente ligado ao crostal planetário não é senão a outra face deste último e sua continuação natural, em termos de sinalética
invertida, ou seja, de antimatéria.
(Universo e Vida – Espirito Aureo – Psicografia Hernani T. Sant’Anna – pg. 58)

E acrescentaria, depois, para dar uma noção ainda mais coerente à tese defendida: o perispírito ou corpo espiritual poderia ser a forma da humanidade de um mundo de antimatéria.
(J. Herculano Pires – O Infinito e o Finito pg. 7)

O fato de a antimatéria, ao contrário do que pensavam os físicos até há pouco, não estar separada da matéria, mas entranhada nela, explica a constituição semimaterial do chamado corpo espiritual.
(J. Herculano Pires – Curso Dinamico de Espiritismo pg. 81)

Esses mundos de ANTIMATERIA no cosmo podem ser considerados por nós, espíritas, como aqueles elementos que constituem o outro mundo, o mundo espiritual de que fala o espiritismo.
(J. Herculano Pires – in Entrevista a Jorge Rizzini)

Se num mundo de antimatéria pode existir tudo quanto existe no mundo material, apenas em situações diferentes, e se esse mundo interpenetra o da matéria, torna-se explicável cientificamente a relação do chamado mundo dos mortos com o mundo dos vivos e vice-versa.
(J. Herculano Pires - Revisão do Cristianismo pg. )

As células constitutivas dos tecidos específicos e órgãos obedecem a um determinado tamanho e aproximado número; não estaria aí o reflexo das informações perispirituais, com seus campos de antimatéria, nos correspondentes campos da matéria? Especificando ainda mais, não estaria aí a ponte de comunicação onde as antipartículas do campo de antimatéria do espírito, mais propriamente do perispírito, desembocasse nas partículas atômicas da matéria? Daí, os "dados" dessas gravações passariam para o pólo oposto, das telas dos elétrons-negativos para as telas do elétrons-positivos (pósitrons) existentes nos campos de antimatéria do perispírito (possível constituição do perispírito).
(Correlações Espirito-Materia - Jorge Andrea pg. 34 e 42)

È observando matéria e antimatéria, Espírito e corpos espirituais, que se notará a grandeza de Deus e a sua presença em toda parte. Ainda há muitos segredos para serem revelados e os maiores se encontram dentro da própria criatura, esperando que estudemos, e usemos do manancial divino que se acha em nós e a nosso favor.
( Miramez – Filososfia Espirita cap. 31)

(...) nós precisamos esperar o progresso da Ciência na descoberta mais ampla e na definição mais precisa daquilo que nós chamamos de antimatéria, que muitos cientistas hoje chamam de matéria às avessas, para que possamos compreender o assunto de modo popular. Então nós sabemos que o espaço não está vazio, conquanto as afirmações da Ciência e as sondas possam trazer respostas negativas do ponto de vista físico, nós precisamos compreender que a vida se estende em outras dimensões. E nós estamos no limiar de tempos novos em que a Ciência descortinará para nós todos um futuro imenso diante do Universo. Então, será necessário esperar que a Ciência possa compreender e interpretar para nós outros, os filhos da Terra, a vida em outras dimensões, outros campos vibratórios.
( Chico Xavier, Programa pinga Fogo TV Tupy – 1971)

Postagens mais visitadas deste blog

Pode haver espíritas comunistas?

Libertarianismo e Espiritismo