Descoberto planeta extragalático

O sistema batizado de HIP 13044 é hoje parte da nossa galáxia, a Via Láctea, mas já fez parte de uma outra galáxia, uma anã que foi engolida pela nossa.

Esse tipo de canibalismo galático é muito comum e, de fato, daqui a 2 milhões de anos, mais ou menos, a nossa Via Láctea vai se fundir com Andrômeda.

Mas o que tem de tão importante em HIP 13044? Simples, nele há um planeta, que tem massa um pouco maior que a de Júpiter, e que, portanto, se tornou o primeiro planeta extragalático a ser detectado.

Pode parecer uma notícia sem importância, mas o fato é que isso prova o óbvio (o que todos suspeitavam, quase acreditavam, mas ninguém tinha ainda a prova!): os planetas são parte integrante do Cosmos, são muitíssimo comuns, e existem não só em nossa galáxia, como em outras.

Isto posto, a possibilidade da existência de vida em outras esferas fica cada vez maior. E isso falando de vida como a conhecemos aqui da Terra, isto é, baseada em água, carbono, nitrogênio e oxigênio.

Se os ETs ainda são tabu nas academias científicas do mundo, as probabilidades já são tão a favor dos crentes na pluralidades dos mundos habitados que qualquer cientista hoje, mesmo sendo bem cético, já evita de falar que não acredita em vida (ao menos microbiana) em outros planetas, para não ser taxado de "sem visão" ou de "mente restrita".

Se quiser ver a notícia original, da BBC Brasil, que pode ser encontrado o vídeo no link: http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=planeta-de-outra-galaxia&id=020175101118

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pode haver espíritas comunistas?

Libertarianismo e Espiritismo

Frase: "O mundo espiritual é formado de antimatéria".